PSG é investigado e advertido pela Uefa sobre Fair Play Financeiro


 Após semanas de investigação, a Uefa decidiu sancionar o Paris Saint-Germain por infrações ao sistema de Fair Play Financeiro da confederação. A medida também foi aplicada ao Olympique de Marselha. As informações foram divulgadas pelo jornal "L'Équipe" na noite de sexta-feira.

Os dois clubes franceses receberam recentemente da câmara de investigação da instância de controle financeiro dos clubes da Uefa (ICFC) documentos de "acordo de liquidação". Segundo o "L'Équipe", uma forma de graduar as sanções ao longo do tempo.

PSG e Olympique estão agora sujeitos a multas, mas caso não mudem a administração financeira, poderão sofrer punições mais severas — como por exemplo a exclusão de competições continentais. Os dois clubes têm três anos para melhorar a situação.

O Paris Saint-Germain acumula déficit de 30 milhões de euros (R$156 milhões) nas contas dos últimos três anos.
Ainda segundo o "L'Équipe", 30 clubes receberam notificações da Uefa com pedido de informações sobre o controle financeiro, e 10 deles buscaram um acordo com a entidade.

Paris Saint-Germain e Olympique de Marselha podem fechar esse acordo também, ou apelar à Corte Arbitral do Esporte (CAS).


Postar um comentário

0 Comentários