Atlético-MG anuncia o retorno de Cuca: "E o chamado foi atendido!"


O Atlético-MG oficializou, na manhã deste sábado, o retorno do técnico Cuca ao comando do time. Ele chega para substituir o argentino Antonio "El Turco" Mohamed, demitido depois de empate do Galo com o Cuiabá, na quinta-feira. O acerto foi antecipado pelo ge na noite dessa sexta-feira.

O treinador retorna ao clube sete meses depois de deixar o trabalho no fim de dezembro do ano passado. Essa será a terceira passagem de Cuca pelo Atlético-MG. O contrato vai até o fim de 2022.

Ao todo, Cuca tem 224 jogos pelo Galo, com 128 vitórias, 48 empates e 48 derrotas.
Em mensagem gravada e publicada pelo Atlético, nas redes sociais. Cuca explicou o motivo que o levou a atender o chamado da diretoria do Galo e reassumir o posto de treinador da equipe (confira no vídeo acima).

- Olá, pessoal. Venho aqui fazer esse comunicado, dessa vez de forma oficial, do meu retorno. Eu tive um chamado da diretoria e, momentaneamente, interrompo o meu projeto. De forma indireta, ainda pretendo executá-lo, mas não podia deixar de atender esse chamado da diretoria, da Massa, e poder me unir novamente ao grupo de jogadores nessa empreitada difícil, mas com bastante otimismo para que a gente possa atender ao anseio de todos.

- Nossa história com o Galo é muito grande, muito bonita, e não tinha como, nesse momento, eu negar o meu serviço ao clube que tanto amo. Um abração e vamos firmes mais uma vez - disse o treinador.

Cuca tinha projetos pessoais para este ano. Resolveu tirar ano sabático e desde então estava em Curitiba tocando a vida. A intenção era de não aceitar nenhuma proposta neste ano. A ideia do treinador é de inclusive viajar para acompanhar "in loco" a Copa do Mundo.

No entanto, a sensação do técnico era de que o Atlético precisava dele para finalizar 2022. O Galo briga pela liderança do Brasileirão e também disputa de vaga na semifinal da Copa Libertadores, contra o Palmeiras, em jogos nos dias 3 e 10 de agosto.

Postar um comentário

0 Comentários