Sandro acerta ida para o Atlético/MG e Santos ainda fica com percentual do passe

 


Depois de acertar sua rescisão de contrato com o Santos, o lateral direito Sandro Perpétuo, que jogou na base do Peixe por 11 anos, acertou sua ida para o Atlético/MG. O jogador chega à Belo Horizonte ainda sem saber se ficará no time, ou se poderá ser emprestado há outros clubes, para ganhar experiência, segundo o site UOL. A expectativa de ficar é boa, pois o lateral Mariano, titular no Atlético/MG está com lesão muscular e segue no departamento médico, sem data de retorno estipulada ainda.

Mesmo tendo o jogador no elenco, a diretoria segue procurando reforços para a lateral direita, e optou pela não renovação contratual de Sandro, ainda que o jogador foi um dos destaques do time na última Copa São Paulo, quando terminou a competição como vice-campeão.

O lateral permaneceu no Santos por 11 anos, e chegou à ser promovido ao elenco profissional do Santos em 2021, quando o time era comandado pelo técnico argentino, Ariel Holan. Na ocasião, Sandro atuou em cinco jogos, mas não se firmou no time principal, e foi ‘devolvido’ à base. O lateral ainda teve uma passagem em 2020 na Ponte Preta por empréstimo.

Nas categorias de base do Santos, Sandro foi capitão do time e suas atuações lhe renderam diversas convocações para as categorias de base da Seleção Brasileira. Da sua geração, ‘decolaram’ Rodrygo, atualmente no Real Madrid e Yuri Alberto, no Zenit. Com a ida do jogador para o Atlético/MG, o Santos ficou com 10% dos direitos econômicos do lateral.

Postar um comentário

0 Comentários